25 Ideias de Design de Jardim Elegante Para Jardins Formais

Você está visualizando atualmente 25 Ideias de Design de Jardim Elegante Para Jardins Formais

Todo jardim é um reflexo único do coração de seu criador

Cada jardim é um reflexo único do coração de seu criador. Quando se trata de planejamento e execução de jardins, os jardins formais têm um espaço distinto no estilo de jardinagem. Esses espaços elegantes, organizados e refinados têm suas raízes nos antigos jardins murados do oeste da Ásia.

Desde esses lugares da antiguidade, o jardim formal encontrou um lar em muitas culturas e regiões do mundo. Dos jardins persas do Irã aos jardins renascentistas da França e Itália, o design formal viu muitas iterações. Embora esse estilo varie de lugar para lugar, existem aspectos essenciais que definem o gênero.

Um jardim formal é um espaço organizado e meticulosamente planejado. Há uma sensação de ordem, simetria e definição nesse estilo. Um passeio deve ser reconfortante e calmante à medida que a ordem e a natureza convergem.

Uma coisa que um jardim formal não é é de baixa manutenção. Se você tem tempo e recursos para criar um, não se arrependerá de construí-lo por um momento. Jardins formais em todo o mundo são maravilhas que atraem multidões para vir e desfrutar da fusão de natureza e cuidado. Naturalmente, eles requerem uma quantidade significativa de atenção de seu cuidador. Aqui estão alguns dos meus elementos favoritos que definem esse estilo de jardinagem polido e clássico.

Um Mapa

Mapear o layout do seu jardim formal garante precisão e elegância simétrica.

O primeiro passo para criar um belo jardim formal é fazer um mapa do espaço. Uma característica predominante desse estilo é a simetria. Vamos aprofundar a simetria em um minuto, mas um mapa é uma chave importante para criá-la. Fazer um mapa ou plano ajudará a tornar sua visão realidade mais rapidamente. Meça e desenhe seus espaços de uma perspectiva aérea. Isso facilitará muito a criação do visual polido de um verdadeiro jardim formal.

Historicamente, um jardim formal é algo que associamos a uma casa grande, propriedade ou castelo. Essas casas majestosas geralmente têm um segundo e até terceiro andar. Seus designs de jardim são destinados a serem vistos desse ponto de vista mais alto, não apenas do chão. Geralmente, haverá padrões e equilíbrio na forma como é visto de cima. Sem um mapa, é difícil alcançar esse aspecto do jardim formal.

Ponto de Eixo Central

Designe o coração do seu jardim formal com uma peça central cativante.

Um elemento comum em muitos jardins formais é um espaço central distintivo e elaborado. Este é um ótimo lugar para começar ao fazer seu plano ou mapa. O espaço central deve ser um ponto focal onde todos os outros elementos se reúnem. Este é um ótimo local para uma fonte ou estátua elaborada.

Use camadas para transmitir a mensagem de que este é o centro ou ponto focal do qual o resto do jardim irradia. Quanto mais evidente for que você está no centro ou ponto focal, mais impacto esse recurso trará à mesa. Volte a esta parte do seu plano ao longo do processo de planejamento para integrar outros elementos.

Sebes Bem Cuidadas

Sebes imponentes adicionam elegância e estrutura aos jardins formais.

Quando reflito sobre os belos jardins formais que visitei, um elemento primordial que se destaca são as sebes bem cuidadas. Sebes finamente aparadas podem criar tanto ordem quanto movimento no jardim. Elas guiam os visitantes em direção a outros aspectos importantes e notáveis do espaço. Elas criam fronteiras e limites, delineando um espaço de outro.

O buxo é a sebe de paisagismo formal por excelência. Fácil de manter, as pequenas folhas do buxo se adaptam muito bem à poda e modelagem. Se você prefere um toque inesperado, o tuia, viburno e ligustro também funcionam bem. Procure por uma planta que tenha folhagem densa e pequena. Elas manterão sua beleza e se adaptarão bem à poda e modelagem em uma forma arrumada.

Topiarias

Em jardins formais, as topiarias infundem encanto e fantasia.

Topiarias são as primas mais altas e elaboradas das sebes bem cuidadas. Estou aqui para elas em qualquer forma ou formato. Quando criança, cresci perto dos mundialmente famosos Jardins de Longwood, em Kennett Square, Pensilvânia. Enquanto grande parte dos jardins ao ar livre era austera e elegante, o jardim de topiarias era um verdadeiro país das maravilhas. Grandes teixos aparados em espirais caprichosas e coelhos brincalhões habitavam quase um acre.

Era um lugar fabuloso para as crianças se maravilharem e explorarem. Muitos jardins formais incluem um jardim infantil. Este é um ótimo lugar para se divertir com topiarias. Elas podem ser positivamente mágicas.

Topiarias são, essencialmente, esculturas de plantas. Elas podem ter a forma de esferas e cones simples, criando linhas verticais entre as sebes. Se você tem habilidade para isso, pode experimentar todos os tipos de formas. Nem todos nós podemos ter nosso próprio Edward Mãos de Tesoura para manter maravilhas topiárias. Mas se você estiver à altura da tarefa, algumas topiarias bem moldadas são esplêndidas no espaço do jardim formal.

Caminhos Definidos

Caminhos bem definidos melhoram a organização e preservam a beleza do jardim.

Um jardim formal deve ter caminhos bem definidos. Delimitar o fluxo de tráfego contribuirá para uma sensação geral de organização. Também manterá os visitantes de cortarem inadvertidamente um canteiro de flores que ainda não está em flor. Talvez não seja necessário ir tão longe quanto placas de ‘não pise na grama’, mas um jardim formal é um trabalho árduo. Caminhos de caminhada óbvios ajudam a manter o tráfego onde você deseja.

Há muitas maneiras de criar caminhos de caminhada, mas uma coisa é certa. É muito mais fácil estabelecer esses caminhos antes de plantar seus canteiros. Caminhos de tijolos exigem muito trabalho, mas têm uma beleza clássica que envelhece maravilhosamente. Para resultados mais rápidos, pavimentos e pedras colocadas em cascalho dão um efeito agradável também. Mantenha-se longe de caminhos vivos. Grama e cobertura do solo exigem mais manutenção. Você já está colocando muito esforço aqui. Seus caminhos podem ser uma parte única e definitiva da tarefa.

Fundação Perene

Escolha sempre-vivas para uma beleza duradoura em todas as estações.

Ao escolher as plantas fundamentais para o seu jardim, considere sempre-vivas para uma beleza durante todo o ano. Sempre-vivas que florescem são um toque especial também. Encontre plantas fundamentais que se destaquem quando tudo o mais está dormente, e seu jardim manterá seu apelo o ano todo.

Muitas das plantas que fazem belas sebes e topiarias são sempre-vivas. Considere adicionar algumas arbustos sempre-vivas como azevinho, dafne ou meu favorito pessoal, camélia. Essas sempre-vivas produzem flores vistosas, perfumadas ou decorativas e frutos durante os meses mais frios. São uma maneira maravilhosa de manter alguma cor no inverno.

Parterre

Crie um parterre para simetria elegante visível de sua casa.

A palavra parterre pode ser desconhecida, mas o conceito é algo que você provavelmente está bastante ciente. O parterre é uma seção do jardim que fica logo além do terraço da casa. É a área mais visível da casa. Um parterre é uma área construída em terreno plano onde se formam padrões simétricos com sebes baixas e canteiros.

O parterre é um espaço onde você pode encontrar estátuas, fontes ou outros objetos para ter à vista da casa. Esta parte do jardim é particularmente especial quando vista de um segundo andar ou outro ponto alto. Este aspecto tornou-se popular na França e é observável em muitos dos jardins franceses mais famosos, incluindo os espetaculares jardins de Versalhes.

Fonte

Adicione uma fonte para elegância atemporal e ambiente calmante.

Um recurso de água de qualquer tipo aumenta a intencionalidade de um jardim. É uma ótima maneira de chamar a atenção para uma parte especialmente especial do espaço. Não consigo pensar em nenhum outro recurso de água que faça uma declaração maior do que uma fonte. As fontes são tão elegantes e adicionam um senso de refinamento e permanência.

Uma fonte é mais do que apenas um deleite visual. A água em movimento cria um elemento auditivo agradável no espaço. Adoro quando um jardim envolve mais do que apenas meu sentido de visão. Também atrai pássaros para o jardim. Uma fonte cria uma quantidade significativa de movimento e caráter, elegantemente e clássico. Considere uma fonte para o centro do seu jardim, ou perto de um espaço de estar onde você e os visitantes possam desfrutar em repouso.

Espelho d’Água

Introduza um espelho d’água para adicionar elegância e profundidade.

Outro recurso de água que se encaixa bem em um jardim formal é o espelho d’água. Um espelho d’água é um toque elegante que serve a algumas funções muito interessantes. É ao mesmo tempo um elemento calmante e reflexivo. Ao mesmo tempo, adiciona profundidade e altura ao espaço.

A função de um espelho d’água é duplicar o jardim. Ele adiciona outra camada que contribui para mais simetria e equilíbrio à paisagem existente. Um espelho d’água pode ser tão grande ou pequeno quanto o espaço permitir. Em um jardim muito grande, esse elemento pode se tornar o centro das atenções, cortando pelo meio. Em um espaço menor, um espelho d’água pode adicionar profundidade e perspectiva a uma área mais privada.

Salas de Jardim

Crie salas de jardim íntimas usando elementos arquitetônicos para esconderijos encantadores.

Criar espaços distintos pode fazer com que um jardim pareça maior no geral, ao mesmo tempo que mais íntimo. O movimento de um espaço distinto para outro cria uma sensação multilayered. Você não pode experimentar a totalidade dele de apenas um lugar.

Salas de jardim adicionam romance ao espaço. Jardins formais são lugares românticos, e o que é mais romântico do que locais inesperados para se esconder? Se aprendi alguma coisa com Jane Austen, é que um jardim deve ter pelo menos um lugar perfeito para beijos roubados.

Você pode criar salas em seu jardim usando belos elementos arquitetônicos. Construa limites a partir de uma fileira de colunas ou uma sebe alta e bem aparada. Você pode até mesmo construir paredes para separar os espaços. Uma parede de tijolos vazada é uma maneira maravilhosa de sugerir que coisas interessantes estão logo ali.

Um Jardim Secreto

Enriqueça seu jardim formal com um enclave exclusivo e escondido.

Falando em salas de jardim, nada diz formal tão claramente quanto a exclusividade. Você pode adicionar uma camada profunda de exclusividade ao adicionar um jardim secreto. Este espaço deve ser pelo menos parcialmente obscurecido de todas as direções, exceto por uma, possivelmente duas, entradas. Talvez seja apenas aparente de um ângulo específico e incomum. Os visitantes devem sentir como se descobrissem esta entrada apenas por uma cuidadosa observação ou por acaso.

O interior deste espaço deve se sentir especial e habitado. Penso nos palácios de séculos passados. O quarto do rei, onde apenas os convidados mais valorizados podem entrar, é sempre o mais opulento. Seu jardim secreto não deve decepcionar. Se você tem uma seleção de plantas especiais e raras, este é o lugar perfeito para mantê-las. Este é um espaço onde você pode levar visitantes para criar uma sensação de intimidade e franqueza. Uma visita a esta área deve ser especial.

Um Jardim de Cozinha

Misture funcionalidade e elegância com um jardim de cozinha estruturado.

Um jardim de cozinha pode seguir um de dois caminhos, e apenas um é apropriado para um jardim formal. É importante planejar este espaço deliberadamente para evitar a sensação de um estilo de casa de campo. Jardins de casa de campo, embora bonitos, são o oposto de um jardim formal. Este jardim de cozinha deve ter estrutura e ordem.

A principal característica de um jardim de cozinha é a funcionalidade. Deve conter plantas úteis e comestíveis, mantendo a ordem e a simetria do restante da paisagem.

Você pode pensar em um jardim de cozinha como informal, mas muitos dos jardins formais mais impressionantes contêm esse elemento.

Um jardim de cozinha traz elegância para a mesa de jantar. Se você passou tempo construindo um jardim formal, certamente desejará receber festas aqui. O que é mais elegante do que belos aperitivos feitos de vegetais deslumbrantes que seus convidados podem observar no jardim de cozinha?

Terraços

Um design de jardim elevado, os terraços criam paisagens ordenadas e deslumbrantes.

Os terraços adicionam camadas ao jardim, sem o medo de que as plantas em primeiro plano dominem as plantas em segundo plano. Esta é uma ótima maneira de plantar mais camadas de cor e trabalhar em elementos de pedra também. Níveis de pequenas paredes de retenção criam um banquete para os olhos e contribuem para uma sensação geral de intenção.

Os jardins formais dependem fortemente da organização e do planejamento. Eles devem parecer que você planejou todos os detalhes antes de executar o projeto como um todo. Linhas nitidamente delineadas ou suavemente curvas funcionam bem. Os terraços lhe dão mais espaço para mostrar diferentes cores e texturas sem a aparência de desordem.

Não confunda este tipo de terraço com o tipo de pátio. Esse tipo de terraço certamente tem seu lugar perto do jardim formal. No entanto, estamos nos referindo ao tipo de terraço que cria múltiplas superfícies planas para plantar. Se você tem uma