Qual é a Velocidade de Crescimento dos Pinheiros?

Você está visualizando atualmente Qual é a Velocidade de Crescimento dos Pinheiros?

Crescimento de pinheiros: o que você precisa saber

Os pinheiros são as árvores mais icônicas de paisagens e madeira, com mais de 180 espécies no gênero Pinus que crescem ao redor do mundo, da América do Norte à Europa e Ásia. Este clássico conífero perene faz uma bela árvore de sombra em um jardim residencial ou florestal. Alcançando entre 15 e mais de 30 metros de altura, essas árvores de crescimento rápido são fáceis de manter em suas regiões nativas. Mas quão rápido os pinheiros crescem e o que você pode fazer para fazê-los crescer mais rápido?

Aqui está tudo o que você precisa saber sobre as taxas de crescimento de pinheiros com base na espécie, localização e condições ambientais.

A Resposta Rápida

Os pinheiros são árvores de crescimento relativamente rápido, com uma média de dois a três pés de crescimento por ano. Mudas jovens podem dobrar de tamanho nos primeiros anos. Por exemplo, um pinheiro branco envasado com dois pés de altura pode atingir mais de 12 pés de altura em cinco anos, desde que tenha solo de qualidade, nutrientes e umidade adequada. Pinheiros mais velhos podem crescer de três a quatro pés por ano, dependendo da espécie.

Pinheiros maduros podem alcançar 15 metros ou mais em cerca de 20 anos, com algumas espécies como o Pinheiro-da-Califórnia atingindo mais de 30 metros em 25 anos. As espécies de pinheiros de crescimento mais rápido, como Pinheiro-branco-do-leste, Pinheiro-de-lágrima e Pinheiro-das-ilhas-canárias, requerem luz solar total, solo ácido e água abundante durante o estabelecimento. O espaçamento amplo é essencial para dar a esses coníferos muito espaço para prosperar ao máximo.

A Resposta Longa

Escolher a espécie de crescimento rápido apropriada nativa da sua região otimiza seu desempenho.

A taxa de crescimento dos pinheiros varia drasticamente entre as espécies e climas. Condições ambientais, como solo, luz solar, temperatura e água, são fatores determinantes-chave para o quão rapidamente uma árvore crescerá. Se você deseja estabelecer um pinheiro rapidamente, a luz, a seleção de espécies e o controle de ervas daninhas provavelmente são os fatores mais importantes.

Os pinheiros requerem luz solar total e não toleram sombra. Escolher as espécies de crescimento rápido certas para sua região garante que a planta possa lidar com extremos sazonais. Não surpreendentemente, os pinheiros nativos tendem a se sair melhor em áreas onde eles se originam. Por fim, o controle de ervas daninhas e gramíneas é muito importante durante o estabelecimento para garantir que as mudas jovens não enfrentem muita competição de plantas vizinhas.

Espécies de Pinheiros de Crescimento Mais Rápido

Com tanta diversidade na família dos pinheiros, é difícil generalizar exatamente o quão rápido uma árvore crescerá. Cada pinheiro é um pouco diferente e se comporta de maneira diferente em um jardim residencial com base em sua área nativa e nas condições da região.

No entanto, a paciência é fundamental. Afinal, são árvores! Pode levar várias décadas para uma árvore atingir seu potencial máximo, mas você pode desfrutar de um pinheiro de cinco a dez pés de altura em cinco anos. Aqui estão algumas espécies populares conhecidas por seu estabelecimento rápido e crescimento alto.

Pinheiro-branco-do-leste (Pinus strobus)

O pinheiro-branco-do-leste é frequentemente encontrado em encostas de montanhas e margens de riachos rochosos.

Um dos pinheiros de crescimento mais rápido, este conífero perene tem uma média de dois a três pés ou mais de crescimento por ano. Esta é uma das principais razões pelas quais o pinheiro-branco-do-leste é uma árvore de Natal popular! Existem várias variedades cultivadas com tons azulados e agulhas torcidas, esteticamente agradáveis e também cobiçadas em paisagismo. As agulhas têm de três a seis polegadas de comprimento e são agrupadas em conjuntos de cinco.

O Pinus strobus é nativo da Costa Leste, Centro-Oeste e Nordeste dos Estados Unidos. É a árvore de madeira mais valorizada para construção e celulose. As árvores alcançam uma altura imponente de 23 a mais de 60 metros, mas essas alturas podem levar vários séculos de crescimento. Na natureza, os pinheiros-brancos são mais comumente encontrados em encostas de montanhas e margens de riachos rochosos em solos arenosos, ácidos, férteis e com umidade moderada.

O pinheiro-branco é um popular quebra-vento porque cresce relativamente rápido e se adapta a uma variedade de condições. As mudas jovens são resistentes e fáceis de encontrar em viveiros ou fazendas de árvores. O sistema radicular é muito expansivo e rapidamente fixa as plantas no lugar. Um pinheiro-branco pode crescer de um exemplar de três pés de altura em vaso para uma árvore de oito pés de altura em apenas cinco anos. Certifique-se de deixar pelo menos 4,5 a 6 metros entre cada árvore.

Embora a planta seja perene, as agulhas mais antigas ainda caem todos os anos, formando uma incrível cobertura de solo ácida. No entanto, as agulhas de pinheiro-branco são muito inflamáveis, então não são ideais para áreas propensas a incêndios. Para um paisagismo à prova de incêndios, os pinheiros devem ser plantados a pelo menos 9 metros de estruturas, e as agulhas precisam ser varridas regularmente.

Pinheiro-de-lágrima (Pinus taeda)

Paisagistas do sul promovem o crescimento do pinheiro-de-lágrima plantando em solos de argila arenosa com composto.

Nativo do sudeste dos Estados Unidos, o pinheiro-de-lágrima é a melhor opção para proprietários do sul que buscam um conífero de crescimento rápido. Essas árvores respondem rapidamente à umidade extra e solos ricos, muitas vezes crescendo dois ou mais pés por ano. A palavra “taeda” significa “poça de lama”, descrevendo as condições úmidas e lamacentas que essa árvore prefere.

Este pinheiro é ideal para uma árvore de destaque ou cerca de privacidade, atingindo uma média de 18 a 21 metros de altura. As agulhas verdes escuras crescem em conjuntos de três e têm em média de 13 a 15 centímetros de comprimento. As árvores jovens têm casca escura e escamosa, enquanto as árvores maduras desenvolvem casca marrom escura com sulcos profundos e enrugados. A folhagem perene é resinoso e tem um aroma agradável.

Os paisagistas do sul podem fazer os pinheiros-de-lágrima crescerem ainda mais rápido plantando-os em solos de argila arenosa com muita drenagem, mas muita umidade. A adição de composto e agulhas de coníferas pode melhorar o crescimento das mudas jovens. A irrigação extra proporciona um grande impulso a esses coníferos de crescimento rápido. É melhor envolver mangueiras porosas ou linhas de gotejamento ao redor da base das árvores jovens e cobri-las com agulhas de pinheiro para conservar a umidade.

Pinheiro-das-ilhas-canárias (Pinus canariensis)

O pinheiro-das-ilhas-canárias é menor na Califórnia, mas invasivo em outros lugares.

Um dos pinheiros mais populares para parques e paisagens residenciais, o pinheiro-das-ilhas-canárias tem um tamanho maduro muito grande, requerendo de 9 a 12 metros de espaço. As árvores crescem extremamente rápido e podem ganhar de 0,9 a 1,2 metros a cada ano. Também são mais resistentes a incêndios do que outros pinheiros e rebrotam prontamente após incêndios.

Você só pode cultivar pinheiros-das-ilhas-canárias de forma confiável em solos ácidos nas zonas nove e mais quentes. Este pinheiro é originário das Ilhas Canárias, ao largo da costa do noroeste da África, tornando-o um pinheiro subtropical único. Ele prospera ao longo da costa da Califórnia, onde possui uma estatura menor e agulhas azul-esverdeadas que se curvam graciosamente para baixo. Infelizmente, a árvore é invasiva na Austrália e na América do Sul. Certifique-se de verificar os recursos do escritório de extensão local antes de plantar este pinheiro.

Pinheiro-vermelho (Pinus resinosa)

O pinheiro-vermelho geralmente cresce de 15 a 24 metros de altura.

Às vezes chamado de pinheiro-da-Noruega, este atraente perene é nativo do norte dos Estados Unidos e Canadá, predominantemente em áreas com verões frescos e invernos frios. As árvores não se dão tão bem com a poluição urbana, mas podem prosperar em um ambiente suburbano ou semi-rural.

Os pinheiros-vermelhos têm um crescimento em forma de cone com uma copa arredondada. As árvores geralmente atingem de 15 a 24 metros de altura na maturidade, e as mudas estabelecidas crescem de 0,6 a 0,8 metros por ano. No entanto, os pinheiros-vermelhos são muito intolerantes à sombra e podem crescer a metade dessa taxa se não tiverem luz solar suficiente.

Pinheiro-dos-açúcares (Pinus lambertiana)

Este pinheiro é perfeito para criar futuros refúgios florestais.

Conhecidos por seus cones enormes, de até 56 centímetros de comprimento, os pinheiros-dos-açúcares são às vezes chamados de “o rei dos pinheiros” porque crescem tão enormemente grandes. As plantas maduras podem ter diâmetros de tronco de até 2,4 metros! O pinheiro-dos-açúcares mais alto registrado tinha mais de 73 metros de altura. As árvores são esteticamente agradáveis, com copas estreitas durante a fase juvenil, eventualmente se espalhando para ramos espaçados e um topo plano na maturidade.

Embora este pinheiro cresça mais lentamente do que seus parentes, ainda pode adicionar de 30 a 60 centímetros de crescimento por ano. É ideal para crescer em bosques que você deseja plantar para que seus netos desfrutem. Como diz o velho ditado de Richard Smith, “Uma sociedade se torna grandiosa quando homens velhos plantam árvores sob cuja sombra sabem que nunca se sentarão”.

Plantando um Pinheiro para Crescimento Rápido

Como a maioria das plantas, a chave para um crescimento mais rápido das árvores é fornecer condições ideais. A preparação do local e o plantio são as etapas mais importantes para preparar o terreno para décadas de crescimento prolífico. Uma árvore só pode crescer tão alta quanto suas raízes vão fundo. Se você não dedicar tempo para preparar adequadamente o solo e plantar cuidadosamente a muda, pode se decepcionar com um crescimento lento ou atrofiado. Aqui estão os principais fatores a serem considerados antes de plantar um conífero:

Faixa Nativa

Selecionar a espécie de árvore certa para seu clima garante um crescimento ideal.

Primeiro, verifique a faixa nativa e a zona de crescimento da espécie de pinheiro que deseja plantar. Melhor ainda, vá a uma floresta local e veja o que cresce naturalmente em sua área. Espécies nativas de árvores geralmente superam plantas não nativas e requerem menos manutenção. Existem pinheiros nativos em todas as partes dos Estados Unidos e na maioria das áreas temperadas do mundo.

Corresponder a espécie de árvore ao seu paisagismo é o primeiro passo para garantir um crescimento rápido. Por exemplo, um pinheiro-branco do norte não está adaptado ao calor e umidade do sudeste. O pinheiro-de-lágrima nativo é uma seleção mais adequada. Ao percorrer viveiros de árvores, verifique a zona de resistência de plantas do USDA para garantir que a árvore possa sobreviver às suas extremidades de inverno.

Solo

Ajuste o pH do solo para o crescimento da árvore usando enxofre elementar.

A maioria dos pinheiros prefere solo ácido com um pH entre 4,0 e 6,5. As agulhas de pinheiro acidificam naturalmente o solo à medida que se decompõem, mas pode levar muito tempo para que as agulhas causem uma mudança perceptível na acidez do solo. Embora o solo ácido seja muito comum em florestas coníferas nativas, o solo em seu paisagismo residencial pode estar mais próximo do neutro. Use um teste de solo para determinar o pH da área onde deseja plantar a árvore conífera.

Se o seu solo for muito alcalino, você pode adicionar enxofre elementar e gesso. Esses produtos minerais orgânicos reduzem o pH, facilitando o estabelecimento do seu pinheiro jovem. Siga as instruções da embalagem para aplicar a quantidade adequada no buraco de plantio. Idealmente, você pode emendar o solo no verão antes de plantar a árvore no outono.

Lembre-se de que a grama geralmente tem dificuldade para crescer sob pinheiros porque a grama precisa de solo neutro ou alcalino, enquanto os pinheiros precisam de condições ácidas. Se você está procurando uma cobertura vegetal para crescer sob os pinheiros, considere espécies trepadeiras nativas como gengibre selvagem, samambaias, phlox rasteiro ou aspérula-doce. Essas plantas adicionam uma vibração agradável de jardim florestal com muito baixa manutenção.

A drenagem do solo também é importante, pois essas árvores precisam que suas raízes respirem. Solte o solo vários metros além do buraco de plantio e emende-o com composto para enriquecer o solo para um estabelecimento mais rápido. Embora algumas espécies estejam adaptadas aos solos argilosos do Noroeste, muitos pinheiros preferem solos mais arenosos ou argilosos. Nos Estados Unidos, você pode verificar o Atlas de Árvores do Serviço Florestal Nacional para aprender sobre as espécies de árvores nativas da sua área e que tipo de solo elas preferem.

Controle de Ervas Daninhas

Cubra as mudas jovens com cobertura morta para suprimir ervas daninhas e conservar a umidade.

As mudas jovens têm dificuldade em competir com ervas daninhas agressivas como grama, cardos e beldroegas. Ervas daninhas mais alt