Como e Por Que Adubar Seu Jardim de Flores

Você está visualizando atualmente Como e Por Que Adubar Seu Jardim de Flores
<p>Um jardim florido exuberante está realmente incompleto sem um componente essencial – as próprias flores. Existem muitos fatores que contribuem para um jardim abundante e cheio de flores, e o fertilizante é um deles.</p>

<p>Alimentar as plantas não é uma tarefa de ‘tamanho único’. Como e quando você fertiliza, assim como o que você usa para fertilizar, dependerá da estação e das plantas específicas que você está cultivando. Mas não há dúvida de que o fertilizante é importante, e <strong>estas diretrizes gerais ajudarão você a decidir o melhor curso de ação para o seu jardim de flores</strong>.</p>

<h2 id="Plant_Nutrients_Explained" class="wp-block-heading">Nutrientes das Plantas Explicados</h2>

<p>Macronutrientes como nitrogênio, fósforo e potássio (NPK) apoiam o crescimento das plantas, garantindo saúde e vitalidade.</p>

<p>Como os jardineiros ávidos sabem muito bem, <strong>os nutrientes desempenham um papel vital no crescimento e na saúde geral das plantas</strong> – assim como nos humanos. Nutrientes, juntamente com água e luz, são os recursos que apoiam tudo, desde o desenvolvimento das raízes até a formação das flores.</p>

<p>Os três macronutrientes primários são nitrogênio (N), fósforo (P) e potássio (K). É por isso que você verá a abreviação NPK nas embalagens de fertilizantes.</p>

<p>O nitrogênio é essencial para o crescimento das folhas e caules e é o principal componente responsável por dar às folhas sua cor verde exuberante. O fósforo apoia o desenvolvimento das raízes e flores. O potássio melhora a saúde geral das plantas, auxiliando na regulação da água e na síntese de compostos importantes para as plantas. Embora tenham funções individuais, esses nutrientes trabalham em conjunto para garantir que todas as partes da planta funcionem corretamente.</p>

<p>Além desses macronutrientes, as plantas também precisam de nutrientes secundários como cálcio, magnésio e enxofre e uma gama de micronutrientes, incluindo ferro, zinco e boro. Mas não se deixe enganar pelos termos ‘secundário’ ou ‘micro’. Esses elementos, embora necessários em menores quantidades, são igualmente vitais para as plantas e podem causar sérios problemas se houver deficiências.</p>

<p>Quando as plantas carecem desses nutrientes necessários, elas mostrarão alguns sintomas. Esses variam desde folhas amareladas até caules fracos e crescimento lento. Você também pode notar bordas marrons nas folhas, muitas vezes causadas por problemas de potássio. É importante monitorar os nutrientes no solo para garantir que você não tenha que enfrentar nenhum desses problemas mais tarde.</p>

<h2 id="Why_Fertilizer_Is_Important" class="wp-block-heading">Por Que o Fertilizante é Importante</h2>

<p>As plantas absorvem nutrientes do solo através das raízes, mas a depleção do solo ocorre com o tempo.</p>

<p>Todas as plantas absorvem nutrientes do solo à medida que absorvem a umidade através de suas raízes. A partir daí, os nutrientes são transportados pela planta para as partes que precisam deles. Mas o solo pode perder nutrientes lentamente ao longo do tempo, tornando-se esgotado à medida que as plantas os utilizam e lixiviando-os sempre que você rega. O efeito é mais prevalente em vasos, pois há uma quantidade limitada de solo e regas muito mais frequentes.</p>

<p>É aí que entra o fertilizante. Para combater essa possível depleção, podemos usar fertilizantes para garantir que os níveis de nutrientes nunca caiam muito. Eles substituem os nutrientes perdidos e garantem que o solo permaneça fértil e propício ao crescimento das plantas.</p>

<p>Construir a saúde geral do solo é importante, mas <strong>os fertilizantes são uma ótima solução rápida</strong>, especialmente quando você está lidando com plantas ‘famintas’ que crescem rapidamente e absorvem mais nutrientes do que outras para alimentar o crescimento.</p>

<p>As plantas com flores podem ser consideradas parte da categoria ‘faminta’ porque geralmente requerem uma quantidade significativa de recursos para produzir flores. A alimentação regular alimenta o processo de floração para incentivar flores saudáveis enquanto a estação permitir.</p>

<p>É importante lembrar que nem todas as plantas têm as mesmas necessidades de nutrientes. Algumas plantas podem prosperar com níveis mais altos de nitrogênio, enquanto outras podem precisar de mais potássio ou fósforo. No entanto, como os dois últimos nutrientes são os mais responsáveis pelo desenvolvimento das flores, qualquer fertilizante ligeiramente mais baixo em nitrogênio geralmente é bom para a maioria das plantas com flores (na época da floração).</p>

<h2 id="When_To_Fertilize_Your_Flower_Garden" class="wp-block-heading">Quando Fertilizar Seu Jardim de Flores</h2>

<p>Ajuste a aplicação de fertilizantes às necessidades do seu jardim de flores, ajustando com base nos estágios de crescimento e no clima.</p>

<p>O momento ideal para fertilizar seu jardim de flores dependerá do seu clima e do que você está cultivando.</p>

<p>Como a primavera é considerada a estação das flores, geralmente é quando a alimentação começa, continuando durante o verão e muitas vezes no outono em climas mais amenos. Mas é importante entender as necessidades das plantas específicas que você está cultivando para fertilizar no momento certo.</p>

<p>Diferentes épocas do ano também exigem diferentes tipos de fertilizantes. Se suas plantas acabaram de ser plantadas, um fertilizante equilibrado geralmente é o melhor porque elas começarão com o crescimento das folhas e caules, necessitando de mais nitrogênio. Mais tarde na estação, você pode ajustar as proporções de nutrientes para melhor apoiar a floração.</p>

<p>Para jardineiros esquecidos como eu, <strong>estabelecer um cronograma de alimentação é uma maneira útil de detectar deficiências de nutrientes antes que elas apareçam</strong>. Se você tem um diário de jardinagem, adicione a data da próxima fertilização lá ou coloque no calendário do seu celular.</p>

<p>É importante continuar monitorando suas plantas, pois elas podem precisar de alimentação um pouco mais ou menos frequentemente do que um cronograma permite. Mas isso garantirá que você não esqueça de alimentar completamente.</p>

<h2 id="How_To_Fertilize_Your_Flower_Garden" class="wp-block-heading">Como Fertilizar Seu Jardim de Flores</h2>

<p>Realizar um teste de solo completo é fortemente recomendado como um passo preliminar antes de iniciar qualquer regime de fertilização.</p>

<p>Antes de começar qualquer alimentação, é recomendado testar seu solo. Pode parecer uma tarefa extra desnecessária, mas um teste de solo pode ajudar a identificar possíveis deficiências que ditam qual fertilizante você deve escolher. Alternativamente, você pode considerar o que cresceu naquela área no passado e como as plantas se comportaram para decidir quais nutrientes podem estar mais esgotados.</p>

<p>Em seguida, escolha um fertilizante que corresponda às necessidades do seu jardim de flores naquele ponto da estação. Os fertilizantes para flores contêm maiores quantidades de fósforo e potássio, mas isso pode não ser ideal no início da primavera, quando o crescimento das folhas e caules é a prioridade para apoiar uma massa de flores mais tarde.</p>

<p>Existem também diferentes tipos de fertilizantes a considerar, <strong>desde líquidos até de liberação lenta</strong>. Eles são absorvidos de maneira ligeiramente diferente, mas geralmente alcançam o mesmo objetivo. Contanto que você siga as instruções na embalagem exatamente, não deverá ter problemas.</p>

<p>Continue alimentando de acordo com o tempo e o método de aplicação recomendados no produto específico que você escolheu. Ajuste sua alimentação à medida que seu jardim de flores cresce para fornecer os nutrientes certos nos momentos perfeitos. Sempre evite colocar fertilizantes diretamente nas folhas e caules, pois isso pode causar danos. Concentre o produto ao redor do solo, onde é mais útil.</p>

<p>Mantenha a rega junto com a alimentação para garantir que as plantas absorvam todos os nutrientes disponíveis. Se os grânulos de fertilizante estiverem sentados no topo do solo seco, não há como os nutrientes serem levados às raízes.</p>

<h2 id="Signs_of_Underfertilizing" class="wp-block-heading">Sinais de Subfertilização</h2>

<p>Se você não está confiante sobre os horários de alimentação, é útil entender os sinais de subfertilização nas plantas. Muitos desses sinais também podem ser causados por outros problemas de crescimento, então certifique-se de identificar os nutrientes como a causa real antes de usar o fertilizante como uma solução rápida. Se um desequilíbrio não for o problema, alimentar quando a planta está estressada pode agravar o problema.</p>

<h3 id="Stunted_Growth" class="wp-block-heading">Crescimento Retardado</h3>

<p>Crescimento retardado e desenvolvimento lento das plantas podem sinalizar deficiências de nutrientes essenciais.</p>

<p>Se as plantas não estão crescendo no tamanho esperado ou na taxa usual, <strong>isso pode indicar uma falta de nutrientes essenciais</strong>. Folhas e caules fracos também são um sinal de um possível problema de nutrientes – geralmente falta de nitrogênio ou potássio. Outras causas possíveis incluem falta de luz solar, rega incorreta ou problemas de pragas e doenças.</p>

<h3 id="Pale_or_Yellowing_Leaves" class="wp-block-heading">Folhas Pálidas ou Amareladas</h3>

<p>Insuficiência de nitrogênio resulta em folhas pálidas ou amareladas.</p>

<p>O nitrogênio é fundamental na formação da clorofila, dando às plantas sua cor verde. Quando não há nitrogênio suficiente, <strong>as folhas perdem essa cor e podem se tornar pálidas ou amareladas</strong>.</p>

<p>Folhas amarelas também são causadas por excesso ou falta de água e danos por pragas, entre outras coisas. Avalie a saúde do solo primeiro antes de adicionar um fertilizante com alto teor de nitrogênio.</p>

<h3 id="Poor_Blooming" class="wp-block-heading">Floração Pobre</h3>

<p>O desequilíbrio de nutrientes pode resultar em flores menores ou menos numerosas e, em casos extremos, na ausência completa de flores.</p>

<p>Em um jardim de flores, a última coisa que você quer ver é a falta de flores. <strong>Insuficiência de nutrientes é uma causa provável</strong>, particularmente quando se trata de fósforo.</p>

<p>Um desequilíbrio de nutrientes pode levar a flores pequenas, menos flores ou, pior – nenhuma flor. A fertilização regular do jardim de flores ajudará a prevenir isso.</p>

<h2 id="Signs_of_Overfertilizing" class="wp-block-heading">Sinais de Superfertilização</h2>

<p>Embora você possa presumir que a alimentação extra levará apenas a um crescimento melhor e mais forte, o oposto é na verdade o caso. A superfertilização é prejudicial às plantas, <strong>causando uma série de sintomas que você deve observar logo após a alimentação</strong>.</p>

<p>Esses problemas também são difíceis de corrigir, então é melhor evitá-los completamente seguindo claramente as instruções na embalagem e nunca alimentando mais do que o necessário.</p>

<h3 id="Leaf_Burn" class="wp-block-heading">Queima das Folhas</h3>

<p>O excesso de fertilizante causa queima das raízes e folhas, levando a danos irreversíveis com bordas e pontas marrons e crocantes.</p>

<p>Quando as plantas são superfertilizadas, <strong>as raízes e folhas podem essencialmente se queimar</strong>. Você notará bordas e pontas das folhas marrons e crocantes logo após a alimentação. Isso é causado por um excesso de fertilizante que danifica o tecido da planta, e esse tecido não voltará ao normal uma vez que morrer.</p>

<h3 id="Crust_on_Soil_Surface" class="wp-block-heading">Crosta na Superfície do Solo</h3>

<p>Demasiado fertilizante pode levar a uma camada crocante de sal na superfície do solo.</p>

<p>Se você alimentar com muita frequência, <strong>uma crosta branca de sais pode se acumular na superfície do solo</strong>, impactando a absorção de umidade nas plantas. Você também pode notar algum murchamento e amarelamento devido a essa falta de umidade.</p>

<h2 id="Final_Thoughts" class="wp-block-heading">Considerações Finais</h2>

<p>Se você quer que seu jardim de flores transborde de flores, <strong>fertilizar é uma parte crucial do cuidado</strong>. Escolha seus fertilizantes com cuidado e aplique-os de acordo com as instruções para evitar qualquer super ou subfertilização acidental.</p>